Viver é …

A verdade é que a vida não é acertar no que as pessoas são. Viver é errar sobre as pessoas, errar, errar, errar e depois, voltando a pensar cuidadosamente sobre o assunto, errar outra vez. É assim que sabemos que estamos vivos: erramos. Talvez o melhor fosse esquecer isto de acertar ou errar no que às pessoas diz respeito e limitarmo-nos a deixar-nos ir. Mas, claro, sortudo o que conseguir fazer isso.

Philip Roth

Anúncios

2 responses

  1. Mmmmm… Este Philip Roth não será um pseudónimo? É que está tão “au point” que me parece pensamento feminino… 😀

    Agora, sem brincadeiras ou provocações fáceis, parece-me que é aceitando as nossas falhas e deixando de ser tão exigentes connosco que conseguimos viver bem com as falhas alheias, logo, com a vida em si.

    Maio 21, 2012 às 3:08 pm

  2. Helena Gomes

    Já vi a autoria deste texto como sendo de P. Roth, citando Becket, citando Shakespeare e encontrei-o numa crónica de Fernanda Câncio, a ex- namorada de Sócrates (o que faz ainda mais sentido). http://jugular.blogs.sapo.pt/2105531.html

    Maio 21, 2012 às 5:13 pm

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s